loader image

5 dicas para uma boa redação

Dicas de redação

15/02/2021

O título
Essa é uma questão que deixa muitos estudantes e candidatos para lá de confusos. A primeira dica é: jamais crie um título antes de ter finalizado sua redação. Melhor deixar para o final, já que muita água pode rolar entre o começo e o fim da produção textual.

Hora de abolir o “internetês”
Esse é um erro que vem sendo cada vez mais cometido por alunos e candidatos. A frequência do deslize está intimamente relacionada à comunicação que se estabelece nos ambientes virtuais. Em virtude do dinamismo que essa comunicação exige, é normal que empreguemos abreviaturas, siglas e outras reduções para facilitar a escrita, contudo, na hora de escrever uma redação para a escola ou para algum concurso, vale ficar atento para evitar que a linguagem própria da internet não contamine sua produção textual.

Cuidado com as abreviaturas
Voltando um pouquinho ao último tópico, quando falávamos sobre o uso exagerado de reduções: por mais apressado que você esteja, nada justifica o emprego exagerado de abreviaturas. Lembre-se de que elas devem ser utilizadas apenas quando forem indispensáveis e, claro, sempre confira as abreviaturas padronizadas.

Evite gírias
Nos textos literários elas são bem-vindas, mas nos textos não-literários, se elas não apresentarem um propósito bem definido, please, deixe-as apenas na linguagem coloquial, registro da língua que utilizamos em momentos de descontração, com amigos, colegas e familiares. Lembre-se de que uma dissertação e uma carta argumentativa, tipos textuais mais solicitados em concursos e vestibulares, exigem a adequação à norma culta da língua, competência previamente solicitada nos editais e inerentes aos textos opinativos.

Chavões, clichês e lugares-comuns devem ficar longe do seu texto
Não há nada que comprometa mais a originalidade de um texto do que o uso exagerado de chavões, clichês e lugares-comuns.

Fonte: Escola Educação

Veja também…

× Fale Conosco